C. S. Lewis e a vida devocional

C. S. Lewis

O escritor inglês Clive Staples Lewis (Wikimedia Commons)

A graça e a paz do Senhor estejam com todos os irmãos em mais este ano que Ele graciosamente nos concede. No meu primeiro “post” de 2012 gostaria de refletir sobre algo em que muitos temos sido miseravelmente falhos e repreensíveis.

Refiro-me à necessidade de cada um de nós cultivar uma vida devocional. Trata-se de um grande desafio para todo crente, seja ele neoconverso ou maduro, incipiente ou profundo em seu conhecimento teológico. Assim que levantamos pela manhã, deveríamos dedicar regularmente algum momento a só com Deus, em oração e meditação na Sua Palavra. Do contrário, muito dificilmente  o conseguiremos no restante do dia, enredados que estaremos na correria dos nossos compromissos e afazeres. Pior ainda, ficaremos expostos às tentações e ciladas do inimigo. Que sejamos como o profeta Isaías, homem de Deus, que disse: “Ele desperta-me todas as manhãs, desperta-me o ouvido para que ouça, como aqueles que aprendem” (50.4b).

Por seu turno, Davi escreveu: “Porque a sua ira dura só um momento; no seu favor está a vida. O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã” (Salmo 30.5). Este versículo é sempre muito citado pelos crentes, inclusive por aqueles que veem Cristo como um mero solucionador de problemas corriqueiros e inerentes à nossa condição humana. Mas o que o salmista fala  é que, cedinho pela manhã, a despeito de todas as tribulações porque passava, encontrava alegria orando ao Senhor e refletindo nos ensinos das Sagradas Escrituras.

Evidentemente, nosso grande exemplo aqui é nosso Senhor Jesus Cristo: “E, levantando-se de manhã, muito cedo, fazendo ainda escuro, saiu, e foi para um lugar deserto, e ali orava” (Marcos 1.35). Francamente: não é de deixar envergonhada a maioria de nós o fato de nosso Divino Mestre, o próprio Filho de Deus, buscar a face de Seu Pai, antes mesmo de o sol raiar?

Nesse sentido, quero compartilhar também um pequeno texto que, creio eu, pode nos servir de estímulo e motivação para nós nessa área tão importante da vida cristã. É um trecho de “Cristianismo Puro e Simples”, de C. S. Lewis:

“O problema real da vida cristã aparece onde as pessoas normalmente não o procuram. Ele aparece no instante em que você acorda cada manhã. Todos os desejos e esperanças para o dia correm para você como animais selvagens. E a primeira tarefa de cada manhã consiste simplesmente em empurrá-los todos para trás; em dar ouvidos a outra voz, tomando aquele outro ponto de vista, deixando aquela outra vida mais ampla, mais forte e mais calma entrar como uma brisa. E assim por diante, todos os dias. Mantendo distância de todas as inquietações e de todos os aborrecimentos naturais, protegendo-se do vento.

No começo, nós somos capazes de fazê-lo somente por alguns momentos. Mas então o novo tipo de vida estará se propagando por todo o nosso ser, porque então estamos deixando Cristo trabalhar em nós no lugar certo. Trata-se da diferença entre a tinta, que está simplesmente deitada sobre a superfície, e uma mancha que penetra na parede. Quando Cristo disse “sede perfeitos”, quis dizer isso mesmo. Ele quis dizer que temos que entrar no tratamento completo. Pode ser duro para um ovo se transformar em um pássaro; seria uma visão deveras divertida, e muito mais difícil, tentar voar enquanto ainda se é um ovo. Hoje nós somos como ovos. Mas você não pode se contentar em ser um ovo comum, ainda que decente. Ou sua casca se rompe ou você apodrecerá”.

Finalizo desejando aos irmãos leitores êxito em sua caminhada de discípulo do Mestre neste ano de 2012, particularmente na vida devocional. A todos, um grande abraço!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: